Facebook da MEF - Missao Esperanca e Fé
Twitter da MEF - Missao Esperanca e Fé
Google da MEF - Missao Esperanca e Fé

BLOG

HOME/Blog

16
out
2016

Evangélicos se tornam alvo de preconceito na Itália: “Para alguns, somos traidores”

POR Abraão Medeiros
Compartilhe:

“Segundo o pastor Vincenzo Granatina, grande parte dos evangélicos italianos sofrem com o afastamento da família e amigos. Há 20 anos, as igrejas ficavam debaixo do subsolo de Roma.”

1455506958-pastor-vincenzo-granatina

Hoje os evangélicos podem cultuar a Deus de forma livre na Itália, apesar de certos preconceitos. Mas há 20 anos, o cenário era bem diferente. Em uma entrevista para o programa “Os Gideões”, da emissora cristã Rede Super, o pastor Vincenzo Granatina comentou sobre as dificuldades para plantar igrejas e pregar o Evangelho na Itália.

“A igreja teve uma certa metamorfose em tudo isso, porque há 20 anos, as coisas não eram como são hoje. Há 20 anos, para achar uma igreja evangélica em Roma, eram todas debaixo do subsolo, escondidas”, disse ele.

“Podemos fazer uma comparação com a igreja da época das catacumbas. Era difícil achar uma igreja e era sempre um pequeno grupo. Era difícil de achar um lugar para isso”, ressaltou.

“Depois, começamos a ter mais problemas. A polícia e o Governo fizeram um rastreamento das igrejas para saber o que estava acontecendo nos lugares de culto, saber que tipos de cultos eram feitos. Nos chamavam de seita. Era uma barreira que se opunha ao crescimento”, relembrou.

O pastor contou que até para alugar um espaço para cultos era difícil, porque as pessoas não queriam alugar quando sabiam da finalidade. “É muito preconceito, porque para eles somos traidores por termos deixado o catolicismo”, pontuou.

“O percentual de evangélicos na Itália não chega a 1% e isso dá a ideia de que as pessoas nos discriminam. Você perde tudo, amigos, parentes, familiares. Isso aconteceu comigo mesmo. Eu perdi tudo. Amigos, parentes, a própria família não quis saber”, comentou.

Um novo tempo

O líder conta que hoje as coisas melhoraram. “Muitas coisas mudaram pela graça de Deus. Hoje podemos encontrar em Roma, igrejas no mesmo nível da estrada. Você pode colocar uma placa e dizer que ali é uma igreja”, disse. “Então, essa liberdade nos levou a ter mais coragem”.

Confira a entrevista no vídeo abaixo:

Fonte: Guia-me

CONFIRA NOSSOS EVENTOS

COMENTE

VEJA TAMBÉM

CONFIRA NOSSOS EVENTOS

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com